ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Limites Territoriais - Lauro de Freitas/Salvador


Tramita na Assembleia Legislativa da Bahia, projetos de lei que tratam dos limites de Lauro de Freitas e Salvador. O Município de Lauro de Freitas foi emancipado em 1962 e já sofreu revisão de seus limites em 1969, sendo reduzido a apenas 57,66 Km2. Até o Aeroporto era denominado "Base Aérea de Santo Amaro de Ipitanga", antigo nome de Lauro de Freitas, e recortado pra Salvador. Vale salientar que, apesar da redução de suas terras, por força de interesses políticos e não por acidentes geográficos, foi sempre a Prefeitura de Lauro de Freitas quem administrou as áreas hoje ameaçadas de serem subtraídas pela Prefeitura de Salvador.

Bairros históricos como Itinga, Areia Branca, Capelão, Barro Duro e Ipitanga foram, desde a sua criação, assistidos pela administração municipal de Lauro de Freitas com saúde, educação, habitação, vias e transportes públicos, água, energia elétrica, políticas sociais etc.

A Lei 12.057 de 2011 ratifica as Constituições Federal e Estadual e determina que compete à Assembleia Legislativa do Estado da Bahia, através da sua Comissão de Divisão Territorial, a atualização das divisas intermunicipais do Estado da Bahia, baseado em estudos realizados pela SEI — órgão da SEPLAN, que deve levar em consideração os limites administrativos ora praticados.

A SEI, ao avaliar essas áreas, considera os serviços prestados na localidade, a identidade e o pertencimento do povo das áreas em questão.

Portanto, não se trata de subtrair nada de Salvador, e sim garantir para Lauro de Freitas o que já lhe é de direito por todos os anos de integração da cidade com seu povo e vice-versa. Dividir Itinga, Areia Branca, Ipitanga com Salvador é pra Lauro de Freitas como dividir a Bahia. Nem a Bahia nem Lauro de Freitas se dividem!

Confiscar Itinga, Areia Branca, Ipitanga, Capelão, Barro Duro pra Salvador é como romper os laços familiares que foram construídos durante décadas, roubando a história de um povo. Todos somos filhos de Lauro de Freitas!

Nossas digitais estão impressas em nossas ruas por onde passamos e vivemos, ainda com dificuldades, mas construindo juntos, a várias mãos de luta, em defesa da identidade da cidade que queremos. A PREFEITURA DE SALVADOR ESTÁ PASSANDO DOS LIMITES. SOMOS TODOS LAURO DE FREITAS.


Nenhum comentário