ÚLTIMAS NOTÍCIAS

“Seria enorme retrocesso”, diz comandante do Exército sobre intervenção militar

Do Aratu Online / Informações da Agência Brasil

Foto: Reprodução
Durante palestra realizada nesta terça-feira (23/1), na Escola de Magistratura do Estado do Rio de Janeiro, o comandante do Exército Brasileiro, general Eduardo Dias da Costa Villas Bôas, afirmou que é contra a ideia de intervenção militar no Brasil. “Isso, na minha opinião, é um termômetro da gravidade do problema que estamos vivendo no país. Intervenção militar seria um enorme retrocesso”, disse ele.

Na ocasião, o general citou uma pesquisa de opinião que apontava que mais de 40% da população é a favor da ideia de intervenção, e disse que esse resultado reflete a confiança e uma identificação de valores dos brasileiros nas Forças Armadas.

Ainda de acordo com Villas Bôas, a Marinha, o Exército e a Aeronáutica são também “guardiões da identidade nacional”, que ele considera estar em um caminho de fragmentação. Villas Bôas destacou também que o Exército tem dialogado com candidatos à Presidência da República, oferecendo consultoria e ajuda para que trabalhem nesse sentido.

Nenhum comentário