ÚLTIMAS NOTÍCIAS

‘TUNTZ, TUNTZ’: Moradores de Vilas do Atlântico reclamam de ʹraveʹ com duração de 12h


Foto: Reprodução




A festa Sollares, que será realizada neste sábado (13/1) na praia de Vilas do Atlântico, em Lauro de Freitas, tem causado incomodo entre os moradores da região. Isto porque, o evento que vai acontecer próximo à área residencial, vai durar cerca de 12 horas ininterruptas. A “rave”, que acontecerá na Rua Praia de Marambaia, terá início às 18h deste sábado (13/1) e vai terminar às 6h do domingo (14/1).
O moradores chegaram a enviar uma carta às secretarias municipais de Desenvolvimento e Urbanismo (Sedur) e de Meio Ambiente e Recursos Hídricos de Lauro de Freitas (Semarh), reclamando da liberação do local para a realização da festa. De acordo com eles, o evento causará vários transtornos, como a poluição sonora. Além disso, alegam que o local se trata de uma área do projeto Tamar de desova de tartarugas, que deve ser protegida ambientalmente.
“Isso é uma festa com drogas, som altíssimo e numa área de desova de tartaruga. Isso é um absurdo. O ano passado essa festa deu polícia, foi um horror! Rapazes e moças sumiram drogados e alcoolizados”, diz o texto sobre o evento que já teve uma edição na praia de Vilas em 2017.
A Associação de Moradores de Vilas do Atlântico (Amova) agendou um protesto contra a realização da ʹraveʹ ainda neste sábado.

Nenhum comentário