DESTAQUE

quinta-feira, 17 de junho de 2021

Vilas-Boas propõe revisão dos critérios de distribuição da vacina contra a Covid-19 no estado da Bahia; saiba mais


O secretário da Saúde do Estado da Bahia, Fábio Vilas-Boas, anunciou nesta quinta-feira (17/6), que vai propor durante a reunião da Comissão Intergestores Bipartite (CIB), a instância deliberativa do SUS que reúne representantes dos 417 municípios baianos, a revisão dos critérios de distribuição da vacina contra a Covid-19. O objetivo, segundo ele, é tornar os parâmetros mais equilibrados, a modo de respeitar a fila por idade.

O número de pessoas acima de 18 anos na Bahia está estimado em 11.148.781 de habitantes. Com 4.243.404 vacinados com a primeira dose, o estado já atingiu mais de 38% da população projetada. No Twitter, o secretário disse que os critérios do Ministério da Saúde para a partilha dos imunizantes têm induzido a "assimetrias cada vez mais graves entre os municípios".

"Os critérios do Ministério da Saúde para distribuição das vacinas tem induzido assimetrias cada vez mais graves entre os municípios. Convoquei para hoje uma reunião extra da CIB, para que passemos a distribuir proporcional ao % da população do município, e exclusivo por idade", escreveu o secretário.

De acordo com Vilas-Boas, “o Ministério da Saúde já reconheceu que ao adotar a última campanha da Influenza como base para distribuição da vacina contra a Covid-19 para os municípios, criou assimetrias, onde há localidades com mais de 80% da população vacinada, enquanto outras, tem pouco mais de 30%. Diante disso, farei a proposta para que a distribuição seja proporcional ao número de habitantes de cada município em relação ao estado e que a imunização seja exclusivamente por idade ao invés de grupos prioritários”, afirma o secretário.