ÚLTIMAS NOTÍCIAS

sexta-feira, 30 de julho de 2021

Com mais de 7 mil postos de trabalho criados em junho, Bahia lidera ranking no Nordeste no primeiro semestre


Creditos da foto: divulgação/SECOM BA


Em junho, a Bahia gerou 7.604 postos de trabalho com carteira assinada e consolidou a liderança na região Nordeste no acumulado do primeiro semestre deste ano, com saldo positivo de 70,1 mil postos. As informações foram divulgadas nesta última quinta-feira (29/7), pelo Ministério do Trabalho, e são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged).

O atual Vice-Governador e Secretário do Planejamento do Estado da Bahia, João Leão (PP), comemorou o resultado. “Fico muito satisfeito por constatar mais uma vez o processo de recuperação da nossa economia. Já é possível perceber que os setores gradualmente estão voltando a contratar e tenho certeza que as ações do governo de enfrentamento à pandemia, associadas às ações de desenvolvimento econômico, estão conduzindo a Bahia por um caminho de prosperidade”, disse.

Segundo o governo estadual, classificando os setores de atividade econômica em cinco grandes grupos, quatro apresentaram saldos positivos em junho de 2021: Serviços (+4.094 postos), Comércio, reparação de veículos automotores e motocicletas (+2.652 postos), Agricultura, pecuária, produção florestal, pesca e aquicultura (+582 postos) e Indústria geral (+394 postos). Já o ramo da Construção registrou saldo positivo, com -118 postos. No grupamento que mais gerou vagas, o de Serviços, destacaram-se as áreas de Atividades Administrativas e Serviços Complementares com a criação de 1.039 postos e Saúde Humana e Serviços Sociais com a geração de 828 posições celetistas.

Os dados divulgados mostram, ainda, que no acumulado dos seis primeiros meses do ano, a Bahia (+70.150 postos) seguiu a tendência apresentada pela região nordestina (+172.616 postos) e pelo país (+1.536.717 postos).